Ligue pra gente

(91) 3321-4071

Horário de funcionamento

Segunda à Sexta: 08:00 - 18:00

Agende uma consulta

Estamos esperando por você.

Ligue pra gente

(91) 3321-4071

Horário de funcionamento

Segunda à Sexta: 08:00 - 18:00

Agende uma consulta

Estamos esperando por você.

A história de mulheres com força no sorriso!

                                                              

 

Foram muitas batalhas contra uma sociedade patriarcal. Éramos proibidas de nos matricularmos em instituições de ensino, éramos submissas aos maridos que nem nós mesmas poderíamos escolher…

Fazer transações financeiras? Trabalhar? Votar? Dirigir? Tudo isso era um sonho. Éramos consideradas incapazes, inferiores e escravas. Devemos muita gratidão aos primeiros jornais alternativos criados por mulheres no século XIX, pois foram eles que nos deram voz e fizeram outras mulheres enxergarem seu potencial diante de toda aquela mentira.

No ramo da odontologia essa luta também aconteceu. No século XIX, quando surgiram as primeiras faculdades de odontologia, as mulheres tiveram que lutar para obterem seu diploma e reconhecimento. Foi o que aconteceu com Lucy Taylor(1833-1910) nos Estados Unidos. Lucy foi impedida de ingressar na faculdade de Odontologia de Ohio duas vezes por ser mulher, porém, ela não se intimidou, começou a praticar em seu próprio consultório até finalmente ser reconhecida pela Sociedade Odontólgica de Lowa e admitida como aluna da Ohio College of Dental Surgery. Lucy Taylor foi a primeira mulher a receber a graduação de cirurgiã-dentista no Estados Unidos.

No Brasil, as primeiras mulheres dentistas vinham de família com pais e maridos cirurgiões-dentistas que ensinavam a elas o seu ofício. Desde o final do século XIX as mulheres passaram a ter acesso ao ensino superior, o que coincidiu com a criação de cursos específicos para Odontologia. Embora fosse permitido que as  mulheres se graduassem, isso não impedia o preconceito que  as cercavam.

Hoje, elas são 56% da categoria, uma verdadeira conquista diante de todo esse contexto histórico!

Por este motivo, nós estamos dedicando o mês de março a todas as guerreiras que fazem a diferença em cada canto do país, e, em especial, queremos oferecer nosso muito obrigado à todas as profissionais da saúde bucal(Odontólogas, ASB`s e TSB`s). Gratidão pela força no sorriso que vocês levam aos seres humanos!

 

 

Texto por Tainah Chaves

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *